Redes socias

Brasil Multi Vídeos

Brasil Multi Vídeos
O seu canal de entretenimento

RDS

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Em PE, homem que ajudou policial a agredir segurança presta depoimento



Do G1 PE.

    O homem que ajudou um tenente da Polícia Militar a espancar o segurança de um bar do Recife se apresentou à polícia na manhã de hoje (18/12). Procurado desde segunda (15/12), ele se dirigiu ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil por volta das 10h para prestar depoimento.

   O suspeito chegou ao DHPP acompanhado pelo advogado, familiares e amigos. O advogado não quis falar com a imprensa, mas um dos parentes disse que o homem estava arrependido e que só participou da briga ocorrida no último sábado (13/12) em um bar do Derby, área central do Recife, porque havia bebido demais. O homem que preferiu não se identificar ainda disse que o suspeito não tem passagem pela polícia.

   A delegada Andréa Bóregas, que está à frente das investigações, já havia colhido o depoimento do tenente da PM e dos funcionários do estabelecimento. O homem que compareceu à Polícia nesta quinta era o único envolvido na confusão que ainda estava foragido. 


Entenda o caso



   Acompanhado por um amigo que é policial militar, o suspeito passou a noite de sexta-feira (12/12) em um bar do Derby. Por volta das 5h30 da manhã do sábado (13/12), o oficial pediu mais uma cerveja, mas foi informado que o estabelecimento estava fechando. Sem aceitar o término das vendas, pegou uma cerveja no freezer. O segurança tentou tirar a bebida da mão do oficial, mas ele não gostou do alerta e começou uma discussão.

   Nesse momento, o homem que se apresentou à polícia nesta quinta-feira se aproximou do amigo e entrou na discussão. Acuado, o segurança se afastou e foi para o outro lado da rua. Segundo os outros funcionários do estabelecimento, os amigos sentaram para beber a cerveja, mas o amigo do policial teria dito que aquilo era uma “desmoralização”.

   Irritado, o tenente se levantou e partiu para cima do segurança. Com a ajuda do amigo, desferiu chutes e murros contra o funcionário. Quando o homem tentou se levantar do chão, o amigo do policial pegou um tijolo no chão e desferiu vários golpes na cabeça da vítima. No final, o policial ameaçou as testemunhas com um revólver. As agressões foram gravadas pelas câmeras de segurança do bar. As imagens foram divulgadas na segunda-feira (15/12), quando a Polícia Civil e a Polícia Militar começaram a investigar o caso.



Nenhum comentário:

Postar um comentário