Hospital em Belo Jardim é denunciado por possíveis erros médicos

Diario de Pernambuco

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) agendou uma audiência pública após receber denúncias de óbitos causados por supostos erros médicos no Hospital Júlio Alves de Lira, localizado no município de Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco.

De acordo com o MPPE, as queixas remetem a mortes que aconteceram no período de 2018 a 2020. A escuta será realizada no dia 1° de abril, a partir das 10h, no prédio da Câmara Municipal de Belo Jardim.

Para a audiência, foram convocados representantes da Secretaria Municipal de Saúde, Conselho Municipal de Saúde, Hospital Júlio Alves de Lira, Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (CREMEPE), Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (APEVISA) e do Centro de Apoio às Promotorias de Saúde (Caop Saúde).

Em nota, o Ministério Público de Pernambuco informou que fiscaliza o hospital desde 2014, tendo expedido recomendação através do termo de ajustamento de conduta (TAC). "O MPPE vem fiscalizando o HJAL desde 2014, efetuando até uma ação civil pública para que a prefeitura e os demais órgãos da saúde pública tomassem medidas para sanar irregularidades encontradas na unidade hospitalar, inclusive através de reformas na unidade".
Tecnologia do Blogger.