“NÃO SEREI UMA GESTÃO QUE PERSEGUE PESSOAS, POIS ISSO ACABOU DIA 15 QUANDO AS PESSOAS DERAM UM BASTA NA ATUAL GESTÃO”, FALOU O PREFEITO ELEITO DE SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE FÁBIO ARAGÃO

Enviado por: Alberes Xavier


Em participação ao programa Cidade em Foco da Rede Agreste de Rádios, o prefeito eleito de Santa Cruz do Capibaribe, Fábio Aragão (PP) agradeceu votação obtida na última eleição, revelou que todo seu secretariado terá perfil técnico e destacou a importância do vereador Carlinhos da Cohab e do deputado federal Eduardo da Fonte em seu projeto político. 

O prefeito eleito também falou sobre a escassez de recursos na campanha e afirmou que tudo foi pela força e pela unidade dos eleitores e do seu grupo político. “Foi uma campanha bonita e histórica, eu sempre dizia que meu projeto poderia durar até dia 15, quatro anos ou oito anos. Não estou preocupado com reeleição, irei fazer uma administração que devolva a dignidade e a esperança de dias melhores para o povo”, disse. 

Questionado sobre a montagem de seu secretariado e a participação do ex-prefeito José Augusto Maia em seu governo, Fábio deixou claro que prioriza perfis técnicos para o primeiro escalão. “Conversamos com muitas pessoas e a participação de todos será de fundamental importância. Estou com intenção em montar o secretariado com perfis técnicos e estamos estudando caso a caso. E sobre José Augusto sabemos de sua história e da importância pela chegada de grandes obras à cidade”, falou. 

Câmara de Vereadores – O prefeito eleito formou a minoria de sua bancada na Casa de Lei e traçou seus objetivos e a relação com os opositores. “O convívio vai ser muito bom, já liguei pra os vereadores do nosso grupo e do grupo de Allan Carneiro, e irei manter contato com todos os parlamentares. Não tenho restrição e a prefeitura estará de portas abertas aos vereadores. Não serei uma gestão que persegue pessoas, pois isso acabou dia 15 de novembro quando as pessoas deram um basta na atual gestão”, cutucou. 

Por fim, Fábio Aragão frisou que irá em busca dos deputados estaduais Diogo Moraes e Alessandra Vieira, e falou que não vai esconder as emendas enviadas pelos deputados federais. 

“Farei questão de dizer qual a origem do recurso, pois só através disso a população ganha. Não irei atrapalhar a vida dos Santa-cruzenses por cores ou alas partidárias”, encerrou.

Tecnologia do Blogger.