Redes socias

AgresTv

AgresTv
assista ao vivo: http://www.facebook.com/agrestv

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Compesa é tricampeã na premiação da Revista IstoÉ Dinheiro

Companhia é eleita a melhor do Brasil no setor de Saneamento por apresentar as melhores práticas de gestão


Imprensa Compesa


   Depois de Pernambuco ter sido destaque no Ranking de Eficiência dos Estados pela Folha de São Paulo, agora foi a vez da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) ser eleita, pela terceira vez, a melhor empresa do setor na premiação “As Melhores da Dinheiro”, da Revista IstoÉ Dinheiro, uma das revistas mais importantes do mundo dos negócios e economia no Brasil. O presidente da Compesa, Roberto Tavares, acompanhado de gestores da Companhia, recebeu o prêmio ontem (13/09) à noite, durante a cerimônia realizada em São Paulo, em evento que homenageou as empresas com as melhores práticas de gestão no país. Na edição 2018 do prêmio, a Compesa também se posicionou como a melhor nos critérios de Governança Corporativa e Responsabilidade Social e, em segundo lugar, nos quesitos Sustentabilidade Financeira e Inovação. O reconhecimento nacional e os resultados positivos se devem, principalmente, à continuidade da filosofia de gestão adotada pela companhia, pela decisão do governador Paulo Câmara em priorizar as políticas públicas de saneamento, com foco no longo prazo, voltadas para o avanço dos serviços em Pernambuco. A Compesa já tinha sido a vencedora nas edições 2015 e 2017 do prêmio.

   O presidente Roberto Tavares creditou a conquista do prêmio ao ‘exército’ de colaboradores que ele considera “bravos guerreiros”, por enfrentarem as adversidades de um estado que tem o pior balanço hídrico do país e que convive com ciclos de seca extrema, e lutam diariamente para levar água com qualidade para mais de sete milhões de pessoas. “É com muito orgulho que recebemos mais um prêmio. É muito gratificante o sentimento do compromisso com a coisa pública e alcançar patamares nunca imaginados na Compesa. Todas essas conquistas foram possíveis graças ao apoio incondicional do Governador Paulo Câmara e a dedicação do corpo funcional da empresa, que lutam diariamente para prestar serviços de qualidade a 7 milhões de clientes”, afirmou Tavares, que pontuou a importância da profissionalização da gestão da companhia, nos últimos 12 anos. “De uma forma geral, o país ainda está se recuperando da recessão que afetou a economia. Como tivemos disciplina em cumprir nosso planejamento estratégico, temos uma carteira de investimentos para 2018 no valor de R$ 1 bilhão, um montante excepcional para aplicar em obras de saneamento, ao contrário de outras companhias. Hoje temos mais de 100 obras em andamento”, explica Tavares.

   O presidente da companhia ainda ressalta que os investimentos realizados pela Compesa possibilitou conquistar 1 milhão de novos clientes com os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário. “Nos últimos doze anos, tivemos lucro em função do equilíbrio econômico financeiro da estatal. Pagamos os dividendos para o acionista majoritário, o Governo do Estado que, por compromisso social, decidiu reinvestir em obras de saneamento para melhorar a qualidade de vida dos pernambucanos”, informa Roberto Tavares.

   No quesito Responsabilidade Social, pela segunda vez a Compesa conquista a maior pontuação, num reconhecimento do esforço da empresa para construir um futuro com mais qualidade de vida aos pernambucanos. Só no ano passado, a Compesa efetuou o plantio de 238.000 mudas florestais em diversas regiões do Estado, além de contribuir para a conscientização sobre o uso racional da água por meio de palestras e ações socioeducativas envolvendo as comunidades nas regiões mais castigadas pela seca e nas periferias dos centros urbanos. Além disso, em 2017, 15 unidades da companhia receberam a Certificação ISO 14.001/ 2015. A Compesa foi a primeira empresa de saneamento do Brasil a receber a certificação ISO 14.001 na versão 2015, selo que atesta à organização que o seu sistema de gestão ambiental está adequado e que é eficaz.

   De acordo com Roberto Tavares, os investimentos aplicados pelo Governo do Estado somam mais R$ 8 bilhões, nos últimos 12 anos. Só na construção do Sistema Pirapama foram aplicados R$ 600 milhões, iniciativa que possibilitou ampliar em 50% a produção de água para a Região Metropolitana do Recife. Outro importante investimento é a Adutora do Agreste, o maior projeto hídrico em execução no país, e cuja primeira fase da obra permitirá o atendimento de 23 cidades, com o investimento de R$ 1,4 bilhão. “Já foram assentados mais de 500 quilômetros de tubulações que começam a transportar água da Transposição do Rio São Francisco para a população, mesmo sem a construção do Ramal do Agreste, obra de responsabilidade do governo federal. Mas isso só foi possível, porque o governador Paulo Câmara pediu alternativas técnicas à Compesa para dar funcionalidade as tubulações já assentadas. E graças a essa decisão, dez cidades já começam a ser atendidas, beneficiando 400 mil pessoas”, esclarece Roberto Tavares, lembrando que a segunda fase da Adutora do Agreste, ainda sem convênio,   beneficiará outros 45 municípios.

   Dos grandes investimentos destinados para esgotamento sanitário, destaque para o Programa Cidade Saneada, a Parceria Público Privada do Saneamento em Pernambuco, que irá ampliar os serviços de esgoto na Região Metropolitana do Recife de 30% para 90% de cobertura. Só no ano passado, os investimentos do Cidade Saneada ultrapassaram os R$ 110 milhões.


Nenhum comentário:

Postar um comentário