Redes socias

Brasil Multi Vídeos

Brasil Multi Vídeos
O seu canal de entretenimento

RDS

terça-feira, 16 de outubro de 2018

CORDEL DO FOGO ENCANTADO SE APRESENTA PELA PRIMEIRA VEZ NO PSICODÁLIA EM 2019

Grupo pernambucano apresenta “Viagem ao Coração do Sol”, trabalho que marca seu retorno depois de um hiato de oito anos


Foto: Tiago Calazans
São Paulo, outubro de 2018 – O Psicodália, festival que acontece no carnaval de 2019 em Rio Negrinho (SC), anuncia o grupo Cordel do Fogo Encantado como mais uma atração confirmada. Os pernambucanos se unem a Elza Soares, Mulamba, Aiace, Cao Laru, Kiko Dinucci, Hamilton de Holanda, Patrulha da Espaço, Soema Montenegro, Azymuth e Anelis Assumpção no line up do evento.

“Foi com imensa alegria que recebemos o convite para participarmos do Psicodália 2019. A expectativa é muito grande e muito boa pois será nossa primeira vez no festival e estaremos levando o nosso novo espetáculo do nosso novo disco, ‘Viagem ao Coração do Sol’”, diz Clayton.

“Viagem ao Coração do Sol” é o quarto álbum do Cordel e marca o seu retorno, depois de um hiato de oito anos. A obra traz canções que ficaram guardadas durante a pausa e composições nascidas no reencontro de Lirinha (voz e pandeiro), Clayton Barros (violão e voz), Emerson Calado (percussão e voz), Nego Henrique (percussão e voz) e Rafa Almeida (percussão e voz). As músicas seguem a tradição dos títulos duplos da literatura de cordel e dialogam com os sentimentos humanos ao longo de uma história de cinco personagens, que percorrem caminhos, por vezes misteriosos e mágicos, em busca da filha do vento, chamada Liberdade.

  “Cordel é um grupo icônico, que fez história na música nacional e, recentemente, retornou à cena com um disco belíssimo. Conhecemos o trabalho deles há anos e sempre esperamos pela oportunidade de, um dia, tê-los no festival. Agora tivemos essa oportunidade e o público com certeza ficará extremamente feliz.”, diz Bina Zanette, idealizadora do festival.



Psicodália @ Rio Negrinho (SC):

Data: De 1º a 6 de março de 2019;

Local: Fazenda Evaristo - Rio Negrinho/SC;

Ingressos: A partir de R$ 430,00 (meia-entrada). Os bilhetes estão à venda no site Disk Ingressos, com parcelamento em até 6x sem juros.


SOBRE PSICODÁLIA

Psicodália é o maior festival multicultural 100% independente do país, que abre espaço para diversos cenários artísticos e culturais. Na música, encontram-se presentes o rock’n’roll e suas vertentes, como e o rock progressivo e o psicodélico, o rock rural, e também estilos como o jazz, blues, mpb, soul, reggae e músicas regionais. Atualmente, o festival é realizado na cidade de Rio Negrinho – SC (120km de Curitiba), e desde 2006, ocorre anualmente no Carnaval, o que faz com que o Psicodália tenha se tornado uma alternativa para quem deseja um programa diferente para esse período. O festival, que está em sua 22ª edição, tem como uma das ideologias o apoio à diversidade, respeito à natureza e conscientização ecológica, e trabalha com um programa de gerenciamento de resíduos onde todo o lixo gerado no festival é destinado. Como uma das alternativas para reduzir a produção de lixo, é oferecido aos participantes copos reutilizáveis, onde é possível servir bebidas com refil. Além disso, o lixo é reciclado e há diversas lixeiras bem posicionadas e sinalizadas. Em quase 20 anos, o festival já soma mais de mil apresentações musicais realizadas. Além dos shows, também são promovidas atividades culturais que envolvem dança, teatro, circo, música, ecologia e saúde, assim como a exibição de filmes e peças de teatro, recreações adulto e infantil, exposições, bazar, entre outros.





SOBRE CORDEL DO FOGO ENCANTADO

No ano 1997, em Arcoverde, sertão de Pernambuco, surgiu um grupo cênico-musical, compartilhando o teatro e a poesia oral e escrita dos cantadores e ritmos afro-indígenas da região. E, dessa mistura, nasceu o espetáculo: Cordel do Fogo Encantado. Por dois anos, foi sucesso de público e percorreu o interior pernambucano. Em 1999, o Cordel se apresentou no Festival Rec-Beat, em Recife, e adaptou a narrativa do Fogo Encantado aos palcos de rua. A estreia no carnaval pernambucano chamou a atenção da crítica e, o que era até então sucesso regional, ganhou visibilidade em outros Estados e a condição de revelação da música brasileira. Foi quando a banda consolidou sua formação definitiva com os arcoverdenses José Paes de Lira (Lirinha), Clayton Barros e Emerson Calado, e os percussionistas recifenses, Nego Henrique e Rafael Almeida (do Morro da Conceição). Em 2001, com a produção musical de Naná Vasconcelos, o grupo lançou seu primeiro álbum: “Cordel do Fogo Encantado”. A evolução artística ampliou ainda mais o alcance da banda. Em 2003, o grupo lançou seu segundo registro de estúdio: “O Palhaço do Circo Sem Futuro”, co-produzido pelos próprios integrantes e por Buguinha Dub e Ricardo Bolognine. O álbum foi considerado pela crítica especializada um dos mais inventivos trabalhos musicais produzidos nos últimos anos. Em turnê, seu show ganhou projeção internacional, com apresentações na Bélgica, Alemanha, França e Portugal. Ainda nesse ano, lançou o DVD "MTV Apresenta”. "Transfiguração", terceiro álbum, foi lançado em setembro de 2006, com produção de Carlos Eduardo Miranda e Gustavo Lenza. Entre os prêmios conquistados pelo grupo estão o de banda revelação pela APCA (2001), melhor grupo nacional pelo BR-Rival (2002), Caras (2002), TIM (2003), Qualidade Brasil (2003), bicampeonato do prêmio Hangar (2002 e 2003) e APCA, como melhor compositor nacional, Lirinha (2006). Em fevereiro de 2010, após 13 anos de trabalho ininterrupto, a banda anunciou a paralisação de suas atividades. No início de 2017, o Cordel do Fogo Encantado voltou a se reunir para a criação do novo disco, Viagem ao Coração do Sol, lançado em abril de 2018. No momento, a banda segue em turnê.





Letícia Tie - Alets Comunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário