Décimo de aposentados do INSS já vem com aumento: saiba como consultar valor do 13º

A primeira parcela do décimo terceiro salário será depositada a partir de 24 de abril, juntamente com a competência 04/2020, no período de 24/04/2020 a 08/05/2020, conforme calendário de pagamento de benefícios

Fonte: Veja Economia 

BRASIL - O INSS deposita, a partir de 24 de abril, a primeira parcela do décimo terceiro salário, juntamente com a competência 04/2020, no período de 24/04/2020 a 08/05/2020, conforme calendário de pagamento de benefícios ilustrado na tabela abaixo.

Já a segunda parcela será liberada a partir do dia 25 de maio até o dia 05 de junho. Nessa segunda etapa de pagamentos, o valor tem o desconto da primeira parte do abono e do Imposto de Renda, quando for o caso. Dependendo da faixa de valor, não há cobrança do tributo.

Valores virão com o novo aumento do salário mínimo aplicado este ano. O calendário segue o número final do cartão de benefício, começando pelo número 1 e por quem recebe o salário mínimo, de 1.045.

Aposentados e pensionistas com até 64 anos de idade e que têm renda mensal acima de R$ 1.903,98 devem ficar atentos ao planejar seus gastos: a segunda parcela será menor do que a primeira, pois é nesta etapa em que ocorre o desconto do IR.

Para quem tem a partir de 65 anos, o imposto é aplicado nos benefícios com valor mensal acima de R$ 3.807,96, pois há uma parcela extra de isenção.

Para quem começou a receber a renda até janeiro deste ano e não paga IR, as parcelas do bônus correspondem à metade da renda. É o caso de quem recebe o salário mínimo; cada parcela é de R$ 522,50.

Quem passou a ser beneficiário a partir de fevereiro tem um abono proporcional ao número de meses em que receberá a renda do INSS no ano.

Quem poderá sacar o 13º?
O 13º salário é paga a todos os beneficiários da Previdência Social, sejam estes aposentados, pensionistas, titulares de auxílio-doença, de auxílio-reclusão, entre outros. Porém, por lei, não têm direito ao 13º salário os seguintes benefícios: amparo previdenciário do trabalhador rural, renda mensal vitalícia, auxílio-suplementar por acidente de trabalho, pensão mensal vitalícia, abono de permanência em serviço, vantagem do servidor aposentado pela autarquia empregadora, salário-família e amparo assistencial ao idoso e ao deficiente.

Calendário de pagamento da primeira parcela
Para benefícios de até um salário mínimo

Como consultar o valor?
Acesse o site meu.inss.gov.br ou baixe o aplicativo Meu INSS
Se já tiver senha, acesse o serviço "Extrato de Pagamento de Benefício"
Primeiro acesso
Para quem vai acessar o Meu INSS pela primeira vez, é necessário cadastrar uma senha

1) No site
Acesso o Meu INSS e procure por "Login"
Responda às perguntas sobre dados pessoais, trabalhistas e previdenciários
Anote a senha inicial. Ela será necessária para cadastrar sua senha definitiva
Siga as instruções do site para cadastrar uma nova senha de nove caracteres

2) Internet banking
Correntistas de bancos credenciados podem fazer o cadastro do Meu INSS no site de atendimento ao cliente

3) Agências da Previdência
As agências da Previdência ajudam o cidadão a cadastrar a senha inicial do Meu INSS

Dúvidas?
Em caso de dúvidas, ligue para o telefone 135
O atendimento é de segunda a sábado, das 7h às 22h
Quem liga do celular paga o valor da chamada local
A ligação por telefone fixo ou público não tem custo

Valor da parcela
Para quem não entra nas faixas de tributação do Imposto de Renda, a segunda parcela do 13º do INSS equivale à metade do valor do benefício.

Aposentados e pensionistas com até 64 anos e renda a partir de R$ 1.903,98 terão o desconto do IR, que é calculado sobre o valor das duas parcelas.

Para quem tem 65 anos de idade ou mais, a isenção da cobrança do imposto ocorre se a renda mensal for maior do que R$ 3.807,96.

Quem começou a receber um benefício neste ano tem um abono proporcional aos meses em que recebeu os pagamentos.

Quando cai na conta
As datas de pagamento do bônus serão as mesmas dos depósitos dos benefícios de abril
Para quem ganha o piso de R$ 1.045, o pagamento será entre 24 de abril e 8 de maio
Segurados com renda acima do salário mínimo receberão entre os dias 4 e 8 de maio

Valor a receber
A primeira parcela equivale a 50% do salário (para quem trabalhou o ano inteiro)
O segundo pagamento é menor, pois há desconto do INSS e do Imposto de Renda.
Tecnologia do Blogger.