Viana & Moura Construções vai manter quadro de funcionários durante período de isolamento social

Comunicado foi feito a colaboradores via on-line por diretor industrial. Empresa aderiu ao movimento ‘Não Demita!’, do qual fazem parte dezenas de empresas dos mais diversos segmentos


A Viana e Moura Construções anunciou que irá manter salários e quadro de funcionários até o término do primeiro semestre de 2020. O comunicado foi feito para todos os colaboradores da empresa de forma on-line, pelo Diretor Industrial, Rafael Pires. Diante da decisão, a empresa do ramo de construção civil aderiu ao movimento “Não Demita! - Empresários, não demitam! Esta crise vai passar”.

O objetivo foi tranquilizar os colaboradores, em alinhamento com a cultura de trabalho da empresa. “É um cenário desafiante e, por isso, decidimos manter todos os empregos dos nossos colaboradores, sem exceção, até, pelo menos, o final de junho. A gente acredita que esse é o prazo necessário para que a sociedade possa superar esse momento e que as coisas possam voltar ao normal. A gente espera que todos fiquem, sempre que possível, em casa, isolados, protegidos com as suas famílias e que possam passar por isso com serenidade”, explicou Rafael Pires.

O movimento “Não Demita!” vale pelo período de 1º de abril a 31 de maio. A Viana & Moura, no entanto, optou por estender o prazo até 30 de junho. As empresas que quiserem aderir ao movimento, podem se inscrever pelo www.naodemita.com.


Alessandra Costa (Oficina Comunicação)
Tecnologia do Blogger.