Redes socias

Brasil Multi Vídeos

Brasil Multi Vídeos
O seu canal de entretenimento

RDS

segunda-feira, 8 de abril de 2019

Assinada ordem de serviço para construção de hotel do Sesc em Sirinhaém

Solenidade aconteceu sexta-feira no Palácio do Campo das Princesas, com o governador Paulo Câmara e o presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac-PE, Bernardo Peixoto



Claudio Rodrigues (Dupla Comunicação) 


Paulo Câmara e Bernardo Peixoto
Foto: Gabriel Vidal - Maker Mídia
   Foi assinada na última sexta-feira (05/04) a ordem de serviço para o início das obras do primeiro hotel do Sesc na região litorânea de Pernambuco. A autorização para a construção do equipamento hoteleiro na Praia de Gamela, em Sirinhaém, aconteceu no Palácio do Campo das Princesas e contou com a presença do governador Paulo Câmara, do presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac-PE, Bernardo Peixoto, do secretário de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo, Alberes Lopes, e toda a diretoria do Sistema Fecomércio.

   O Consórcio Sirinhaém, formado pelas empresas AB Corte Real e Walter Lopes, foi o vencedor da licitação, que prevê a entrega do hotel em 24 meses após o início da obra. Com investimento aproximado de R$ 98 milhões, somando também os mobiliários, a expectativa é que nesses dois anos de construção sejam gerados cerca de 1.200 empregos diretos e indiretos. “Vai ajudar muito o nosso turismo. Sirinhaém, que já recebe muitos turistas, agora vai ser um polo de desenvolvimento e qualificação dos nossos jovens. É um momento muito bom para receber um investimento como esse”, destacou o governador Paulo Câmara durante a cerimônia.

   O presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac-PE, Bernardo Peixoto, agradeceu o governo pelo apoio. “Será um hotel diferenciado. Mesmo em um momento difícil para a economia brasileira, o Sistema Fecomércio em Pernambuco investirá em 2019 quase 165 milhões de reais em projetos como esse, gerando 1500 empregos diretos”, afirmou.

   Localizado próximo a praias consolidadas nos roteiros turísticos, como Carneiros, Tamandaré e Porto de Galinhas, o hotel vai ocupar terreno de 10 hectares doado pela Prefeitura de Sirinhaém e pelo Governo de Pernambuco e abrir 200 postos de trabalho em áreas diversas durante a operação. A área foi cedida durante o governo Eduardo Campos pelo então Secretário de Turismo e atual governador, Paulo Câmara.

   Com dois blocos de quatro andares, o equipamento vai atender também a demanda do turismo de eventos, com um centro de convenções com auditório para 472 lugares, salas de apoio, de reuniões e de recepção, e uma galeria de artes. O hotel aposta, ainda, na sustentabilidade. No local, hóspedes e visitantes poderão frequentar o Centro de Interpretação Ambiental, o primeiro do Nordeste voltado para essa área na educação. O espaço, com dois pavimentos, vai abrigar um Ecomuseu, ampla estação de laboratórios, aquários, salas de exposição, de vídeo, de ciência e biblioteca. A ideia é fechar parcerias com ONGs e instituições de ensino para realização de pesquisas e práticas pedagógicas na vegetação do entorno.

   “Seremos receptivos e provedores de atividades turísticas, de rápidas estadas de pessoas que buscam roteiros de cunho ambiental. Além disso, vamos manter as tarifas competitivas e nível de excelência que temos nos outros hotéis”, diz o diretor do Sesc Pernambuco, Oswaldo Ramos.

   O hotel terá, ao todo, 134 apartamentos com varanda e área estimada de 28 metros quadrados. Oito unidades terão suítes e quatro são exclusivas para pessoas com deficiência. Nas áreas comuns, o hotel contemplará áreas de lazer coberta e descoberta com piscinas para adultos e crianças e de hidroginástica, salas de jogos, vídeo e musculação, salões multiuso e de festas, bares, praça, pista de caminhada e restaurante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário